O que é o programa 5S e como ele é positivo na pecuária?

por Raíssa Guimarães | 18 de janeiro de 2021

Compartilhe

Buscar melhorias através de ferramentas de gestão contribui para resultados produtivos e econômicos em todos os setores, e na pecuária não seria diferente. 

Pensando nisso, cada vez mais está sendo implementado nas fazendas de todo o Brasil o programa 5S, que nada mais é que uma ferramenta simples e prática para ajudar nos procedimentos do dia a dia. 

O que é o programa 5S?

O 5S é um programa desenvolvido no Japão visando aperfeiçoar aspectos como organização, limpeza e padronização. É uma filosofia de trabalho que busca promover disciplina por meio da consciência e responsabilidade de todos os envolvidos. 

O método tem esse nome porque, em japonês, as palavras que designam cada fase de implantação começam com o som da letra S e cada "S" corresponde a um senso. 

O programa induz, portanto, quebra de alguns paradigmas que, por sua vez, implicam em mudanças que serão efetivas se houver mudança comportamental, o que não acontece da noite para o dia. 

O significado de cada “S”

  • SEIRI = Senso de utilização

Este senso aborda o conceito de utilidade. Com ele é necessário separar as coisas úteis das inúteis, e dar um destino adequado para cada uma delas. 

Na prática, você pode separar os itens nos ambientes de trabalho, facilitando a identificação dos materiais e a circulação de pessoas e animais. 

  • SEITON = Senso de organização 

Neste senso, você avalia e repensa sobre como as coisas estão organizadas e dispostas na fazenda. Buscando encontrar formas de onde colocar cada coisa e mantê-las sempre em seus devidos lugares. 

Na prática, você pode começar com um estoque sinalizado, com separação e identificação de cada material, facilitando a busca desses insumos e reduzindo o tempo das ações. 

  • SEISOU = Senso de limpeza

Após a organização, com este senso é possível realizar a limpeza de forma minuciosa e cuidar do ambiente de trabalho, para evitar sujeira, acidentes e desperdício. 

Na prática, você e sua equipe devem criar rotinas e procedimentos de limpeza e higienização que devem ser seguidos à risca. 

  • SEIKETSU = Senso de saúde 

Com este senso é possível melhorar a qualidade de vida e segurança das pessoas e dos animais nas condições sanitárias e ambientais do trabalho. 

Na prática, você está atento à higienização, calendário de vacinação, visitas do médico veterinário, realizar o controle de pragas e assim por diante. 

  • SHITSUKE = Senso de autodisciplina 

O último senso é considerado o mais avançado, pois nele são necessárias novas atitudes para ter e manter as habilidades de fazer as coisas certas. Mantendo a rotina e padronização da aplicação dos “S” anteriores. 

Na prática, você aplica incentivando os demais, mostrando a eles sua importância e reconhecendo seu trabalho. 

Sendo assim, aplicar este programa na pecuária apresenta diversos resultados positivos  como melhorar a qualidade de vida das pessoas envolvidas, aumentar a produtividade na fazenda, diminuir desperdícios, reduzir custos, facilitar a localização de objetos, otimizar o tempo de toda equipe envolvida e melhora dos resultados como um todo. 

Além disso, o 5S é uma boa opção de auxílio na implantação de outros programas de gestão, porque incentiva a mudança cultural sendo também um exercício de administração participativa. 

Fontes: Educa Point; Fundação Roge

POSTS RELACIONADOS

Aderir a um planejamento sanitário evita perdas e melhora a produtividade na pecuária

por Raíssa Guimarães | 21 de dezembro de 2020

Com o consumo cada vez maior dos produtos pecuários e com o mercado cada vez mais exigente, é necessário que o produtor

LEIA MAIS

© Central Veterinária . Todos os direitos reservados.